Exposição Nômade – Paulo Chavonga

O artista Paulo Chavonga reflete em suas obras sobre a vida dos imigrantes africanos que residem na cidade de São Paulo, como gesto de esperança um ato de coragem e desejo de diálogo, através de uma memória visual sobre a África e seus povos, estimulando a vivência dos imigrantes africanos na dinâmica cultural da cidade.

Nascido em Benguela, Angola, residente em São Paulo há apenas 12 meses, vive a experiência de um jovem estrangeiro longe de sua família, em terras estranhas; experiência constituída a partir de um corpo-território, que é caracterizado por uma identidade imigrante-refugiado de partes múltiplas do continente africano. Todo dia é um aprendizado, em São Paulo, quem sou? Talvez uma gota num mar de artistas,  trabalhadores e desempregados. Sou mais um ser humano a procura de realizar sonhos em meio à multidão de brasileiros, pintor de rua, nas grandes avenidas e nas estreitas vielas dos bairros periféricos. Sou NÔMADE. 

Em 2018, é contemplado pelo prêmio VAI da prefeitura de São Paulo e participa de duas exposições na Galeria Olido, sendo uma coletiva e a outra individual.

Artista angolano que foi contemplado pelo programa VAI 2018 fará exposição individual na Galeria Olido em São Paulo.

Quando: de 17 de outubro à 11 de novembro – das 9h00 às 20h00
Onde: Av. São João 473

 

 

alice buratto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *